• Geral 09/08/18 | 16:00:09
  • Caçador registra aumento no número de casos de violência contra idosos
  • Quase todas as denúncias envolvem um familiar próximo ao idoso
diminuir o tamanho do texto aumentar o tamanho do texto
  • Fonte/Autor: Jornalismo Rádio Caçanjurê
  • Foto: Ilustração

O número de casos de violência contra os idosos tem aumentado em Caçador. Entre as situações que configuram como atos de violência estão a física, psicológica, sexual, de abandono e negligência, além de financeira, quando, por exemplo, empréstimos são feitos com o nome do idoso ou até mesmo saques de benefícios que acabam não sendo repassados.

A assistente social do CREAS (Centro de Referência Especializado de Assistência Social), Lilia Capelin, fala sobre esse aumento de casos.

Segundo a assistente social do CREAS, um projeto que está sendo debatido pela Assistência Social e Prefeitura é a criação de um espaço onde o idoso ficaria durante a tarde, principalmente para aquelas famílias que encontram dificuldades devido aos empregos. À noite, o idoso retornaria ao seio familiar.

Lilia destaca ainda que quase todas as denúncias envolvem a violência de um familiar próximo ao idoso.

De acordo com o estatuto do idoso, todo o cidadão tem o dever de comunicar fatos de violência contra o idoso. As denúncias podem ser feitos na DPCAMI, delegacia especializada para esses casos, no próprio CREAS, ou através do Disque 100.

comentários